terça-feira, 14 de Dezembro de 2010

Homonímia, homografia, homofonia e paronímia.

Palavras homónimas são aquelas cuja grafia e pronúncia são iguais, mas têm significado diferente.

Exemplos:

O bebé nasceu são ( >sanu) e escorreito. ( = saudável)
No dia 11 de novembro, comemora-se o dia de São (> sanctu) Martinho ( = Santo)
Os lápis são (> sunt) da Carla. ( = verbo ser)


As palavras homógrafas têm identica grafia, ( o acento não interfere na grafia) mas a pronúncia (acentuação) e o significado são diferentes.

Exemplos:

A do Porto é um monumento histórico. ( = igreja)
Se não chover, vou ver o jogo. ( = conjunção subordinativa condicional)
bom rapaz! ( = verbo ser)


As palavras homófonas são aquelas cuja prenúncia é igual, mas têm grafia e significado diferentes.

Exemplos:

muito tempo que não te via! (= verbo haver)
Hoje fui à piscina. (= contracção da preposição a com o artigo definido a )
Ah! que lindo dia para passear! (= interjeição)


As palavras parónimas são muito semelhantes, gerando, por vezes, confusão. Embora tenham significados diferentes, são muito parecidas na grafia e na pronúncia.

Exemplos:

Ele conseguiu rebelar uma multidão. (= revoltar)
Ela não quis revelar o nome dos candidatos. (= divulgar)

Sem comentários:

Enviar um comentário